Aguarde...

Bem-vindos Freguesia de Arrouquelas

Turismo

Turismo

 

IGREJA DE N.ª SENHORA DA ENCARNAÇÃO

Em termos de património, a igreja de nossa Senhora da Encarnacão é um dos monumentos a visitar na freguesia. A sua data da construção não se encontra devidamente esclarecida, havendo quem aponte o final da mesma para o ano de 1869, inscrição existente num relógio do sol que se encontra no recinto.

Segundo lenda popular, descrita por Frei Agostinho de Santa Maria, no Santuario Mariano, e historia das imagẽs milagrosas (1), a origem da Igreja poderá estar associada à aparição de Nossa Senhora nos campos de Arrouquelas, sendo o local ocupado pelo atual edifício o mesmo da ermida que então se erigiu em homenagem a Nossa Senhora da Encarnacão.

A Igreja destaca-se, na fachada, pela sua galilé e portal maneirista em calcário lavrado e, no interior, pelo revestimento das paredes, com um silhar de azulejos padrão policromado do século XVII. O frontal do altar é revestido por azulejos mudéjares de aresta do século XVII.

Entre as imagens que adornam esta igreja-salão de nave única, incluem-se a da padroeira, localizada no altar-mor, a imagem barroca de Nossa Senhora da Assumpção e a de Santo Inácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus. No espaço exterior envolvente há a destacar um relógio de sol, datado de 1869, e uma pitoresca fonte.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(1) Agostinho de Santa Maria, Frei (1642-1728), Santuario Mariano, e historia das imagẽs milagrosas de Nossa Senhora (…), Lisboa: Na officina de Antonio Pedrozo Galrão, anno de 1707-1723, Vol. 2, pp. 485-486.

 

 

 

VISITE TAMBÉM:

Relógio de sol

Fonte da igreja

Fonte da Breja

Fonte da Portelinha

Fonte do pote

 

Fonte da igreja



Compartilhar titulo produto

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de utilização. Ao utlizar o website, confirma que aceita a sua utilização.